quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Histórias de FFXI, Dia #02: Homens que Usam Colãs Verdes

Antes de começar mais esse relato emocionante, devo aqui cometer uma gafe terrível. Uma das pessoas que acompanhou a mim e à patroa em nossa ida ao cinema semana passa tem blog sim senhor. Então tá cá corrigido o erro, mestre Oro. Perdona.

Dia #1.5

Um detalhe importante do primeiro dia de aventuras emocionantes no mundo de Final Fantasy XI é que nele eu consegui, depois de muito esforço e desespero, travar minha primeira batalha. E acho que é exatamente aqui que vou fazer meu primeiro elogio de pé e ao som de palmas ao glorioso MMORPG da Ênix Quadrada.

Explico agora porque tanta euforia, e porque acho que essas pelejas virtuais são as mais geniais do universo: elas são automáticas.

Você seleciona o bicho, manda atacar, e assiste o seu boneco e a criatura-alvo (ah, Magic) se espancando até a morte. É lindo, é rápido, é prático. Nada de flicar clicando que nem um retardado. Esse é o primeiro jogo, em meu conhecimento, a assumir que batalha de RPG online é chato pra cacete e tentar transformar o processo em algo não tão dolorosamente maçante.

Dito isso, é bom também esclarecer que o papel do infeliz atrás do declado é gerenciar a batalha. Tem um menuzinho, a la Final Fantasy mesmo, que você usa pra selecionar itens, ativar aquela magia marota ou mandar o seu (ou, no caso, meu) gigante peludo e musculoso sair correndo como uma menininha. Ainda que gigante, peluda e musculosa.

Babinha pegar os primeiros níveis. Ah, mas se essa facilidade continuasse...

Dia #02

Já em companhia do bravo, bravo Dukkturr (que já estava presente na malhação de minhocas e vespas mencionada acima), saí em busca de aventura. Mais especificamente de coisas para matar, itens para pilhar e experiência para ganhar. Isso, num MMORPG, geralmente significa ir atrás de alguma Quest. E tentar achar uma dessas me deixou com saudade de World of Warcraft por um simples motivo.

O JOGO TE MOSTRA ONDE AS QUESTS ESTÃO. É pedir muito pra esses cornos não esconderem as missões em NPCs genéricos que se sobressaem tanto quanto um protozoázio em rota de colisão com o Sol?

Enfim.

Depois de muito vagar pelas ruas de Bastok - ruas bem bonitas, por sinal - conseguimos arranjar um infeliz que nos desse o que fazer. "Vá até aquela mina ali e pegue um documento com Sr.Fulano, Minerador Feliz". "Justo", pensamos eu e o destemido (porém diminuto) Dukkturr. "Não deve ser muito difícil" - mesmo porque foi exatamente isso que nosso contratante falou.

Sem delongas - nem equipamentos, nem itens, nem nada que se assemelhasse com algo útil para garantir que voltássemos vivos - rumamos para a tal caverninha, e tão logo entramos já começou a sentação de porrada na fauna local, em grande parte composta de morcegos. Como se mata morcegos com socos? Eu não sei.

Caverna grande, semideserta e razoavelmente ameaçadora: nada mais do que o esperado para dois aventureiros iniciantes e cheios de vida. E estava indo muito bem, eu juro que estava.

Até que numa curva ou corredor da vida, entramos numa sala sem saída. "Ok, sem problemas. A gente dá uma olhadinha e sai de finininho sem cutucar bicho nenhum, porque já são quase duas da manhã e a gente só quer terminar essa porcaria dessa quest". Aí, já no caminho de volta, percebi que tinha uma ameba me atacando. Uma ameba.

Tentei correr - use os parágrafos anteriores para ter referência de como eu corri - mas a ameba que andava na velocidade da luz continou me atacando, aparentemente com golpes psíquicos. Parei e pensei: "encher esse organismo unicelular de porrada". E Dukkturr, corajoso que é, veio me ajudar.

Aproximadamente 7,6 segundos depois estávamos os dois mortos.

Fui dormir, dessa vez sem mandar a Square Enix tomar no cu.

3 comentários:

Animal Boy disse...

Seu personagem de nome complicado deveria se chamar "FAGBALLS" e você sabe disso. Fora isso, apenas uma questão, FF XI não é pago??

A.Sato disse...

Hahah ri mto da ameba na velocidade da luz. XP

Nunca subestime uma ameba, principalmente na primeira quest de um rpg, não importa qual seja!

Anônimo disse...

For Final Fantasy XI Cheats, Final Fantasy XI Dupes, FFXI gil cheats, Final Fantasy XI Bots, Final Fantasy XI Guides, and Walkthroughs click here